SEM CATEGORIATECNOLOGIA

HP rejeita oferta de aquisição da Xerox novamente

A fabricante de computadores e impressoras HP reiterou neste domingo sua rejeição à oferta de aquisição de US $ 33 bilhões da Xerox, dizendo que a quantia “subestima significativamente” a empresa.

Uma parceria uniria duas empresas com histórias históricas: a Xerox foi fundada em 1906 e se tornou um nome familiar com sua copiadora.

A HP, que tem sua história desde 1939, começou a fabricar equipamentos de áudio, mas acabou sendo um dos primeiros líderes da indústria de tecnologia do Vale do Silício.

“Reiteramos que rejeitamos a proposta da Xerox, pois ela desvaloriza significativamente a HP”, disse o conselho de diretores da HP em uma carta.

“Continua a haver incerteza quanto à capacidade da Xerox de aumentar a parte em dinheiro da contraprestação proposta”.

A Xerox disse na semana passada que ficou “muito surpresa” com a primeira rejeição da HP à oferta em dinheiro e ações, que estabelece um valor de US $ 22 por ação para a empresa de computação.

A oferta representa um prêmio de 29% em relação ao recente preço médio de negociação da HP, disse o presidente e executivo-chefe da Xerox, John Visentin.

O investidor ativista Carl Icahn disse recentemente ao The Wall Street Journal que a ligação era um “acéfalo” que aumentaria os retornos para os acionistas das duas empresas.

Na ausência de um acordo, a Xerox disse que “levaria seu caso convincente para criar valor superior para nossos respectivos acionistas diretamente aos seus acionistas”.