Previsto para maio, novo Citroën C3 vai apostar em preços acessíveis.



Hatch começou a ser produzido em março deste ano na fábrica da marca em Porto Real (RJ)

A Stellantis começou a divulgar nesta quarta-feira (27) uma websérie especial (confira logo abaixo do texto) apresentando mais detalhes e imagens da nova geração do Citroën C3 nacional. 

Antes previsto para chegar ao mercado no primeiro trimestre, ao que tudo indica a estreia definitiva do hatch deverá ocorrer mesmo no mês que vem. Vale lembrar que o modelo já é produzido desde março em Porto Real (RJ) e o início das campanhas de divulgação da novidade sinalizam a proximidade do lançamento. 

Primeiro de uma família de três modelos, o novo C3 terá a importante missão de iniciar um processo de resgate da Citroën no mercado brasileiro. 

Para incrementar os volumes de emplacamentos da marca francesa de forma sólida e consistente – e transparecer um recado claro da nova fase da empresa por aqui – apurações extraoficiais deixam claro que a Citroën fará o máximo para conferir preços acessíveis ao novo C3 nacional. 

Segundo reportou o Autos Segredos em março, o hatch deverá ser lançado com seis catálogos diferentes, sendo três deles (Live, Feel e First Edition) com motor 1.0 Firefly aspirado de origem Fiat. 

A escolha do propulsor associado ao câmbio manual de 5 marchas deixa claro o posicionamento do novo C3 como um modelo de olho no segmento de entrada. 

Também de acordo com o Autos Segredos, em seu catálogo mais acessível o C3 deverá abrir mão até mesmo de itens como limpador e desembaçador do vidro traseiro, mostrando claramente que a Citroën também está de olho em frotistas e demais consumidores corporativos, segmentos que costumam anabolizar as vendas. 

Abrindo mão de propulsores turbo ao menos durante a estreia do novo C3, a Citroën também vai oferecer o modelo com a opção do motor 1.6 16V flex, hoje aplicado no C4 Cactus, único automóvel de passeio comercializado pela marca no momento. 

Além de figurar como a alternativa para quem deseja nível de performance superior em relação às opções 1.0, uma boa aposta da Citroën é oferecer valores atrativos para o novo C3 1.6 com câmbio automático, atraindo, dessa forma, consumidores PcD, por exemplo. 

É fato que a demanda por carros automáticos é cada vez maior entre o público brasileiro, tornando-se algo imperativo para qualquer produto que deseja ter boa aceitação no mercado. O C3 1.6 também deverá ter opções com transmissão manual 5 marchas. 

Outro ponto fundamental, dessa vez já oficializado pela Citroën, é que a marca tomou muito cuidado para que o novo C3 também ofereça baixo custo tanto de manutenção quanto de propriedade de uma forma mais ampla. Afinal, esse é um complemento fundamental em relação ao preço de compra acessível. 

Logo, para quem está considerando a aquisição de um hatch compacto, certamente vale a pena aguardar a estreia do novo Citroën C3. Vamos acompanhar de perto!