SEM CATEGORIA TECNOLOGIA

Bancos centrais juntam-se para estudar possíveis moedas digitais

Os principais bancos centrais se uniram para explorar se deveriam emitir moedas digitais à medida que o uso do dinheiro diminui e mais pessoas recorrem a formas eletrônicas de pagamento.

O grupo de estudo é composto pelo Banco Central Europeu, o Banco do Japão, o Banco do Canadá, o Banco da Inglaterra, o Riksbank sueco e o Banco Nacional Suíço.

Eles disseram em comunicado na terça-feira que avaliarão o possível caso de moedas digitais em suas jurisdições de origem. O banco central sueco já estuda a questão há vários anos e encomendou um projeto piloto, pois o uso de dinheiro diminui naquele país. Nenhuma decisão foi tomada.

As criptomoedas existentes, como o bitcoin, não são adequadas para pagar por coisas, porque podem variar bastante em valor. O Facebook apoiou o projeto Libra para a chamada stablecoin, uma moeda digital vinculada às moedas existentes. Vários parceiros importantes, como Visa, Mastercard, PayPal e eBay, deixaram a associação criada para supervisionar o Libra, que enfrenta uma reação das autoridades reguladoras.

O grupo avaliará questões técnicas e compartilhará conhecimento sobre tecnologias emergentes. Será co-presidido por Benoit Coeure, ex-alto funcionário do BCE, e Jon Cunliffe, vice-governador do Banco da Inglaterra.